sexta-feira, 24 de abril de 2009

Sinopse

"Há momentos na vida em que desejamos simplesmente que tudo acabe.
Momentos em que desejamos apagar o passado, ignorar o presente e abandonar o futuro. Mas tomar uma estrada sem volta talvez não leve a lugar nenhum.
A única saída é deixar tudo para trás e viajar sem destino, sem dinheiro, sem nada. Porque uma viagem sem destino é um suicídio sem morte, é uma fuga em que o perseguidor é o próprio fugitivo, é se perder para se encontrar, é alcançar o horizonte sem saber que é impossível, e é a única chance de alguém que quer morrer... viver de verdade"





O livro narra a história real de alguém que tentou fugir da realidade. Mas para onde se pode fugir quando o que o persegue está cravado em seu peito? Até onde se pode chegar quando o dinheiro acaba e tudo o que resta é a roupa do corpo e uma surrada mochila, que carrega o peso de uma desilusão amorosa, o desprezo de um pai e a culpa pela morte do melhor amigo?
O autor tentou fugir escalando o selvagem Monte Roraima, navegando para uma paradisíaca ilha do Caribe, cruzando a selva amazônica, seguindo os trilhos da morte da Madeira - Mamoré, buscando proteção nas muralhas de uma fortaleza perdida nos confins do Brasil, pegando carona nas estradas mais remotas, pedalando uma velha bicicleta pelo Pantanal, caminhando 400 quilômetros pelas tortuosas vias do Caminho da Fé, tentando se perder na multidão da festa dos bois de Parintins e dos touros do rodeio de Barretos, se enterrando em um cemitério abandonado de uma cidade fantasma, dormindo nas ruas entre mendigos, acampando no mato entre malucos na grande Chapada dos Guimarães... e encontrando, pelo caminho, pessoas incríveis que lhe ensinaram a ter a coragem necessária para nunca mais fugir da vida. Pessoas que lhe mostraram o caminho que o levaria à paz de espírito, em algum lugar, “além do horizonte”...

4 comentários:

  1. Ei!Passando por aqui para conhecer
    seu espaço,
    e seu trabalho.
    Passa na no meu blog
    ou me manda seu endereço d
    email pra catiaho@hotmail.com.
    Lindo fim de semana pra nós!
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita. Saudações poéticas!

      Excluir
  2. Lindo blog! Este livro deve ser maravilhoso, muitas vezes nos sentimos assim, sem direção, confusos, indiferentes a qualquer coisa...Também escrevo, estarei publicando um livro em abril. Visite meu blog, eu adoraria, beijos
    gizamai.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário! Felicidades e boa sorte em sua caminhada literária! Abraço!

      Excluir